Mosquito da Dengue

O mosquito da dengue é um mosquito que vive em regiões tropicais e subtropicais, estando presente em todos os países das Américas, exceto Canadá. Este inseto não sobrevive a temperaturas inferiores a 10ºC e altitudes superiores a 1000 metros.

A tendência do Aedes Aegypti é permanecer no local onde nasceu ou próximo, normalmente ele se desloca em um raio de 100 metros, mas em casos excepcionais pode deslocar-se até 1.000 metros. Ele é considerado um inseto peridomiciliar.

Os mosquitos da dengue possuem tamanho aproximado de 03 mm. Eles possuem anéis brancos nas patas e escamas prateadas no corpo. A sua fase adulta de vida tem duração aproximada de 30 a 35 dias e suas fêmeas depositam em média 500 ovos ao longo da vida.

Os ovos do mosquito da dengue normalmente são colocados em superfícies ásperas próximas da água ou locais úmidos. Eles preferem água limpa, porém têm se tornado cada vez mais tolerantes à presença de poluição e matéria orgânica.

Em períodos secos seus ovos, o mosquito da dengue consegue permanecer íntegro por períodos superiores a um ano.

Dos ovos dos mosquitos da dengue nascem larvas que vivem na água e se alimentam de partículas orgânicas. A fase larval tem duração aproximada de quatro dias.

Após a fase larval, o mosquito da dengue se transforma em pupas e, em seguida, passa pela fase adulta após dois ou três dias.

Os mosquitos da dengue na fase adulta alimentam-se de seiva vegetal e apenas as fêmeas, durante a fase reprodutiva, alimentam-se de sangue.

Para a transmissão da dengue é necessário que uma fêmea de Aedes Aegypti tenha sugado o sangue de uma pessoa que esteja com a doença. Então, o vírus se multiplica em seu aparelho digestivo e glândulas salivares irão transmitir para outras pessoas que venham a serem picadas.

 

aedes aegypti
Aedes Aegypti – Mosquito

 

O vírus da dengue ocorre em quatro formas diferentes ou sorotipos 1, 2, 3 e 4.

Uma pessoa que tenha sido infectada com um dos sorotipos fica imune a ele, podendo contrair a doença transmitida por alguma das outras formas.

A dengue ocorre em duas formas: a clássica e a hemorrágica, sendo que a hemorrágica é uma forma mais grave e exige maiores cuidados.

Os principais sintomas da dengue clássica são: febre alta, dores musculares, dores articulares, dor de cabeça, dor no fundo dos olhos, prostração e em alguns casos, manchas e sangramentos.

A dengue hemorrágica irá apresentar sintomas semelhantes nos primeiros dias, porém, numa fase posterior provocará dores abdominais e manifestações hemorrágicas que podem levar a insuficiência circulatória, choque e morte.

A melhor forma de prevenir a dengue é manter vigilância cuidadosa sobre os vetores e adotar medidas de manejo ambiental cuidadosas para evitar a proliferação do mosquito, tais como:

– Eliminar recipientes e objetos que possam acumular água;

– Manter vedadas caixas d’água, cisternas, tambores e tudo o mais que possa armazenar água;

– Cuidar adequadamente de restos de materiais de construção, objetos inservíveis e lixo para evitar o acúmulo de água;

– Lavar e escovar frequentemente bebedouros e comedouros dos animais;

– Estar atento a calhas, canaletas, ralos, vasos de plantas e outros locais em que a água possa permanecer sem movimento durante determinados períodos.

Empresa de controle do mosquito da dengue

A EcoFocus é uma empresa de controle do mosquito da dengue. Conte com um serviço de qualidade, com profissionais qualificados e treinados para o combate do mosquito da dengue.

Entre em contato aqui.